Comece poupando 1 real e se torne um megainvestidor

O tema é polêmico e questionável, porém, simples e altamente possível.

O habito é capaz de nos conduzir a resultados que jamais conseguiríamos sem sua aplicação em nossas vidas.

Bem, vamos lá, vou explicar:

Vou usar como exemplo o hábito da leitura, creio que vai facilitar o entendimento. Sou apaixonado pela arte de ler, mas confesso que nem sempre foi assim, pelo contrário, essa paixão é recente.

Como passei de um leitor que lia em média 2 livros (de autoajuda) anualmente, para uma média de 24 livros nos últimos 2 anos? Simples.

Pense: quando você não tem costume de ler, chegar ao final de um livro é maçante e normalmente queremos que isso aconteça em um final de semana, alguns dias no máximo. Em vez de me preocupar em ler um livro em tempo recorde, estabeleci uma meta de ler 15 páginas por dia.

Vamos calcular: 10 páginas x 6 dias por semana (um dia na semana estabelecia como de descanso) = 60 páginas por semana x 4 semanas por mês = 240 páginas por mês.

Considerando que a média dos livros mais populares possuem de 200 a 250 páginas, ao final de cada mês conseguia ler 1 livro, ou seja, 12 livros por ano.

A regra é simples, depois que você acostumar a ler 10 páginas por dia, sentira falta quando por algum motivo não conseguir ler.

Tudo o que ainda não é um habito, insira de forma gradativa. Nosso cérebro costuma reagir mal quando recebe uma enxurrada de informações que normalmente desconhecia ou que não está ambientado.

Por isso, comece a ler poucas páginas por dia e se tornara um leitor assíduo e com números expressivos em relação à média da população brasileira. (Média brasileira 1 livro por ano).

Usei esse exemplo da leitura para facilitar o entendimento e por ser uma realidade na vida da maioria de nós brasileiros e de por assim funcionar com nosso habito de poupar.

Conforme estudos, mais de 70% dos brasileiros não possuem qualquer tipo de poupança, sem entrar nas particularidades de cada um, esse é um dado alarmante e a mudança desse habito tem que se iniciar gradativamente.

Segundo o escritor Charles Duhigg, autor do livro, O poder do Hábito, a inserção de um novo hábito em nossa vida segue os seguintes passos:

1). Existe uma deixa, ou motivo que nos leva a implementar um novo habito.

2). Existe uma recompensa, que nos motiva a chegar ao final, a alcançarmos nossos objetivos.

3). Entre as duas últimas existe a rotina, ou seja, como sairemos da deixa e chegaremos até a recompensa.

É necessário identificar os 3 últimos fatores, mas o mais importante sem dúvidas é a rotina. Quando há o surgimento de um hábito, nosso cérebro para de participar totalmente da tomada de decisões, para de fazer esforço, ou desvia o foco para outras tarefas.

A rotina é responsável por nosso cérebro se adaptar a determinada situação e no segundo momento transformar isso em um hábito.

Essa é a importância de iniciar poupando 1 real e se tornar um investidor. A questão principal não está no valor monetário, mas sim na capacidade que essa “simbólica” quantia de transformar o ato de poupar em um habito em sua vida e te levar a patamares nunca imaginados.

Portanto, se você deseja se tornar um investidor, comece poupando pequenas quantidades ­- o exemplo aqui é 1 real, mas se você tiver condições de começar com 2, 5, 10 reais melhor ainda – mas de maneira constante, rotineiramente e à medida que for se adaptando, revise suas rotinas e se necessário, altere-as.

Deste modo, com o tempo, poupar vai se tornar um hábito e antes mesmo de comprar algo vai pensar que aquele dinheiro poderia estar sendo utilizado para aumentar seus investimentos.

A maioria dos grandes investidores de hoje, começaram com poupando pequenas quantias no passado.

Portanto, comece a dar valor a pequenas quantias e insira na sua vida o hábito de poupar, mesmo que seja alguns centavos por dia.

Pense nisso: “Uma jornada de mil quilômetros começa com um simples passo”.

Acesse nossas redes sociais e acompanha novas publicações através dos links abaixo: opequenoinvestidor.com