Diversifique seus investimentos

Você sabe porque é tão importante diversificar seus investimentos?

A grande preocupação da maioria dos investidores é saber qual risco ele estará correndo se investir em determinado ativo.

Essa resposta pode ser respondida através de fórmulas estatísticas que calculam o risco x retorno que um investimento apresenta.

O retorno, ou taxa de retorno, pode ser entendida como a medida daquilo que o investidor espera receber de volta em troca de seu investimento.

O risco é a incerteza associada aos retornos esperados, está diretamente ligado a probabilidade de se receber menos do que o esperado.

No mercado financeiro risco e retorno caminham lado a lado e o grande desafio é encontrar o “equilíbrio” entre esses dois conceitos de forma a minimizar os riscos e maximizar os retornos.

Um modelo eficiente que possibilita encontrar essa equação é a diversificação de investimentos. Para exemplificar bem esse conceito, existe um ditado popular que deixa claro seu significado, qual seja: “Nunca coloque todos os ovos na mesma cesta”.

E sabe porquê?

Porque se essa cesta cair ou quebrar você perdera todos os seus ovos.

No mundo dos investimentos esse conceito se aplica muito bem, pois, quando você aplica todo seu capital em um único investimento ou ativo você está se expondo a um risco elevado, se por algum motivo esse ativo se desvalorizar ou “quebrar” você perderá todo o seu capital.

 Mesmo que você invista em Tesouro Direto, Fundos Imobiliários ou deixe seu dinheiro na Poupança, por mais que seja uma das aplicações mais seguras do mercado, você precisa diversificar suas aplicações de forma a diminuir seus riscos e potencializar seus ganhos.

Para tornar mais didático, vou utilizar o mercado de ações como exemplo.

Considerando que você possui 100.000,00 reais em ações da Petrobras (PETR4) e que toda sua reserva financeira esteja aplicada nesse ativo. Se em um dia as ações da Petrobras desvalorizarem 5% você terá uma “perda” de 5000 reais. Agora imagine que você investiu em 5 ativos, direcionando 20% para cada um e considerando que cada ativo de um ramo de atuação diferente. Imagine o exemplo anterior, se as mesmas ações da Petrobras tivessem passado por uma queda de 5% em um único dia você teria uma “perda” de 1000 reais, ou seja, em um total de 100.000,00 isso representa apenas 1% de perda.

Da mesma forma, pode ocorrer casos em que um determinado ativo sofra uma queda em seu valor devido ao mercado que esteja inserido, porém, tal fato pode não ter afetado outro mercado, inibindo assim que toda a carteira de investimentos sofra uma redução em seu valor e podendo ainda a queda de um ativo ser compensada pela alta de outro.

Por isso é tão importante diversificar seus investimentos, isso possibilita que suas perdas sejam mínimas, não impactando fortemente em seu capital total. A diversificação permite que o investidor atinja seu alvo a partir da valorização média de seus ativos.

Portanto, antes de iniciar seus investimentos avalie a probabilidade de retorno x risco que cada ativo e a partir dessa análise busque um equilíbrio entre os mesmos, de forma a maximizar seu retorno e minimizar seus riscos.

Observação: As informações apresentadas aqui não tem por objetivo indicar o investimento como bom ou mau e não é uma recomendação de compra. Objetivo é apenas fornecer conteúdo de caráter educacional.

Pense nisso: “Nunca teste a profundidade do rio com os dois pés” (Warren Buffet).

Seja um investidor inteligente. Clique na descrição abaixo e adquira um exemplar dos melhores livros em finanças. Seja um investidor inteligente. Clique na descrição abaixo e adquira um exemplar dos melhores livros em finanças. Se torne um afiliado e aumente sua renda. Descubra como isso pode transformar sua vida financeira. https://app.monetizze.com.br/r/AP/6295746